Arrependimento e Redenção (Parte I)

Agora ele já sabe quem foi
Em um passado distante, remoto
Já não se pode negar a verdade óbvia
Nas referências de suas experiências.

Para quem recebeu tanto conhecimento
Vir ao mundo zerado e mortal
Foi uma boa punição, ele reconhece
Pelo grande mal que fez e causou.

A cada nova vida, um aprendizado...
Mas sua teimosia o mantinha iludido...

Seu eu mais atual, com um diferencial
Importou-se com os companheiros dele
Lhes mostrou o Amor e a cura
E despertou neles o arrependimento.

Ele ainda pôde ver um deles
Se oferecer, o sofrimento interno visível
Pedidos de desculpa dele surgiram
Os sentimentos antes ocultos, se revelaram.

by Lôh

Comentários