domingo, 7 de outubro de 2012

A hipocrática mestralsidade

Não somos estáticos, sempre mudamos
Alguns de nós evoluindo, outros transcendendo
Não somos finitos, não somos mortais
Somos seres vivos, intuitivos e racionais.

Então "eles" aparecem em cena
Majestosos, evoluídos, superiores
A maioria deles canalizam suas mensagens
Tomando controle sobre o corpo dos outros.

Me desculpem, mas sinto nisso algo errado...
Estão fazendo muitas pessoas de otários...

Se auto denominam mestres
Colocam-se diante de todos como ascendidos
Em seus egoísmos se vangloriam
De um tolo status adquirido
Se apresentam como portadores da luz
E de um conhecimento necessário
Proferem um discurso vazio
Desgastante e totalmente estilizado.

Nos vendem a idéia que precisamos deles
E que fomos selecionados a uma promosalvação
Os escolhidos se tornam seus empregados
E os obreiros então trabalham e são drenados.

Não é estranho isso? As coisas parecem não mudar...
Não é isso o velhíssimo modelo hierárquico
Com seu antiguissimo egoísmo autoritário?
Sem falar na tendência de oferecer um único canal
De águas comuns, sem qualquer diferencial.
Sou grato e feliz por não beber dessas águas abióticas.

by Lôh

6 comentários:

  1. Olá querido Lôh..
    Meus parabéns pelo belo escrito! Ilustrou de forma clara a sociedade que hoje vivemos.
    Sinceramente, tudo vai de mal a pior.. Pois a humildade está sumindo cada vez mais e as pessoas querem ser superiores as outras, esquecem que somos todos iguais.
    Gostei muito..
    Tenha uma linda noite e um excelente fim de semana..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lady.

      Que bom que você gostou. Sempre gosto quando alguém reflete sobre o conteúdo das minhas composições. Escreveste bem: "esquecem que somos todos iguais"; além de assinar em baixo, eu ainda complemento: "temos alma e somos compostos pelos mesmos elementos presente em todas as formas de vida".

      Agradeço sua participação e um ótimo fim de semana pra você também. Fica na paz...

      Excluir
  2. Muito lindo. Você é demais . Continue nos presenteando com suas belas e reflexivas palavras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito grato pelos seus elogios, minha cara.
      Fico feliz com sua participação aqui novamente.

      Fica na paz...

      Excluir
  3. faço minhas as suas palavras, enquanto esse povo não aprender a pensar e questionar, libertando se desse mar de superstições impostas, continuarão presos e cegos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou grato agradável lady por sua presença aqui.
      Fico feliz por você ter compreendido a idéia por trás desse poema e por você demonstrar ser alguém que está fazendo a diferença neste mundo.

      Um grande abraço e até breve...
      Fica na paz...

      Excluir